Portal Dignus

Mais um site WordPress

Inovadora terapia para pé diabético

1 min read
Investigadores do Laboratório de Microbiologia e Imunologia da Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade...

Investigadores do Laboratório de Microbiologia e Imunologia da Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade de Lisboa descobriram uma terapia inovadora para o pé diabético, através da introdução do biogel com uma proteína antimicrobiana que pode ajudar a diminuir as infeções resistentes a antibióticos na atual terapêutica para o pé diabético.

Esta equipa de investigadores liderada pela Professora Manuela Oliveira concluiu que os péptidos antimicrobianos, as proteínas produzidas pela maioria dos seres vivos e que fazem parte do sistema imunitário, têm grandes vantagens na relação com os antibióticos convencionais, e assim conseguem eliminar um grande espetro de micro-organismos que não estão associados ao desenvolvimento de bactérias resistentes a estes compostos.

Importa referir que segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) existem atualmente cerca de 440 milhões de adultos com Diabetes Mellitus, e 26 milhões têm úlceras de pé diabético que podem ser infetadas por bactérias patogénicas resistentes a antibióticos e tornarem-se crónicas, obrigando à amputação dos membros inferiores em 1 em cada 5 casos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.